segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Relembrando o mochilão: Meu último dia em Londres

Então queridos e queridas.... Muito tempo se passou desde minha última postagem, mas isso não significa que eu esqueci o Naty Pelo Mundo. Isso só significa que eu voltei para a minha rotina normal pelas bandas de cá.

Como eu não tinha terminado de contar sobre o meu mochilão, vim trazer pra vocês o meu último dia em Londres, o dia 03 de julho. Neste dia, nós acordamos com os seguintes objetivos:

  • Ir ao Regent's Park
  • Ir ao Brittish Museum
  • Ir a Saint Paul's church
  • Ir à Tower Bridge
  • Tirar foto de Harry Potter em Kings Cross


Munidas com o nosso Oyster Card, pegamos o metrô e fomos ao nosso primeiro ponto do dia, o Regent's Park, que é um parque bem grande e verde. Gostei muito de lá principalmente porque tinha esquilos pois é um parque muito bem cuidado, florido e verdinho. No entanto, a nossa passagem por lá foi bem curta; demos só um a voltinha e fomos embora para o próximo ponto (de metrô, é claro).


Saindo do Regent's, tomamos o metrô até a estação mais próxima do Brittish Museum. Ao chegar lá, nós entramos e fomos conhecer o famoso museu. Não preciso nem dizer que ele é enorme... Minha cabeça quase deu voltas pela quantidade de coisas que tínhamos de ver, e acabou que passei um pouco desatenta por muitas coisas que poderiam ser interessantes de serem vistas.
Para piorar minha desatenção, descobri que o Discóbulo, estátua símbolo da Educação Física (meu curso) estava lá no museu. Porém, em uma ala paga.

Um pouco conformada em não ver o Discóbulo, fui conhecer outras obras expostas do Brittish, e acabei me divertindo bastante, como vocês podem ver a minha cara alegre nas fotos a seguir, assim como algumas obras lá expostas.

Recomendo que se vá lá com bastante tempo livre, para poder olhar tudo com calma.

Do lado de fora, e do lado de dentro do museu

cerâmica grega e estátua romana

Na foto de cima: arte egípcia, e na foto de baixo: sarcófagos



Assim que saímos do museu, eu e Vivi nos sentamos para comer nossos sanduíches e depois fomos para o próximo ponto da nossa lista, a St Paul's church.
Preciso dizer que esta foi uma das igrejas mais lindas que vi durante a viagem. Ela é enorme, monumental e totalmente diferente do que eu acho que é o padrão de igreja. Fiquei impressionada com a beleza da arquitetura. vem vocês mesmos!





Neste ponto do dia eu já estava encantada demais, e assim que eu e Vivi fomos voltar para a estação do metrô pra seguir nosso roteiro, resolvemos entrar em um mercadinho que vimos por lá. E foi lá que compramos a coisa mais deliciosa que comi durante toda a minha estadia na Europa.

Trata-se, é lógico, deste Cookie na imagem ao lado. 

Se você estiver indo a passeio em Londres e decidir visitar a St. Paul, siga o meu conselho e procure este tal mercado ao lado da saída do metrô. É no mesmo lado que fica a igreja, e é muito bacana lá, pois além dos cookies você encontra muffins e outras coisinhas de padaria deliciosas. 

Neste pacote vinham dois cookies enormes, deliciosos, com pedaços grandes de chocolate. Para ser ainda melhor, custava apenas £1.

Compramos dois pacotes afinal, éramos duas, e o cookie era muito gostoso!





Depois de conhecer mais um ponto, fomos para o próximo: Tower Bridge.
Fizemos todo o percurso em Londres de metrô, e evitamos muito os ônibus. Apesar de dar para ver melhor a cidade de ônibus, a gente não a conhecia o suficiente para nos aventurar nos ônibus.

Nossa ida à Tower Bridge foi interessante. Eu não sabia que ela era azul! Quer dizer, ela não é, mas as ferragens são, e pra mim isso foi impressionante. 
Achei a ponte belíssima, e desejei o tempo todo a chegada de um barco grande para eu poder vê-la subir. HAHAHAHA

Atravessamos a ponte e tiramos diversas fotos para recordar aquele momento. Olhar tudo aquilo já me fazia sentir falta de Londres. Eu não acreditava que aquele era o nosso último dia ali naquela cidade incrível.


Vivi sob a Tower bridge

Mostrando os prédios mais modernos da cidade ao fundo


o céu de Londres já tava cinzento nesse dia

Sentamos para contemplar a paisagem, e ficamos ali por um bom tempo.
Para finalizar a nossa aventura diária, ainda faltava um último ponto: A estação King's Cross para tirar uma foto ao estilo Harry Potter indo para Hoghwarts.
Bem, lá fomos nós.

Fui lá e ao chegar na estação, escolhi o meu cachecol da sonserina (nunca fui fã da grifinória), e posei para foto. A quem interessar, é um cenário montado em uma parede e tem vários acessórios para a foto (varinha, óculos, cachecol). Sempre há um fotógrafo que tira a sua foto, e você escolhe se vai comprar ou não.
Eu recomendo não comprar, pois custa £10, e com essa crise financeira que estamos vivendo, essa seria a foto mais cara que você teria. Leve sua câmera/celular e peça a um amigo para bater a foto. Se estiver só, peça a alguém da fila. Os ingleses são muito educados, e duvido que alguém se recusará a bater uma foto.

Bem, a minha ficou assim:


Todos os ítens da lista estavam cumpridos. E agora?

Resolvemos pegar um metrô e ir até o Big Ben para vê-lo iluminado a noite. Foi incrível!
Ao chegar lá, nós nos sentamos no gramado em frente ao Parlamento, e assistimos ao por do sol e o anoitecer na vista daquele monumento belíssimo.
Foi algo indescritível! Lá estávamos nós, duas brasileiras do interior da Bahia, sentadas em um gramado em Londres na frente do Big Ben vendo o sol se por e rindo a toa.

(((Neste momento, ponha  Snake Eyes de Mumford and Sons e veja as fotos desse dia incrível, mais uma vez.)))

Não havia preocupação, e eu estava tão feliz naquele momento, que eu sabia que me lembraria daquela tarde pro resto da minha vida.
Hoje, sentada no meu quarto escrevendo este post, é difícil acreditar que tudo o que vivi foi real. Ainda assim sou eternamente grata pela oportunidade que tive de poder viver tudo isso, conhecer tantos lugares e estar tão livre quanto estive.




duas meninas com o mundo inteiro na nossa frente


gargalhando sem motivo, e totalmente realizada

E assim terminou nosso último dia em Londres <3

Nenhum comentário:

Postar um comentário