terça-feira, 10 de março de 2015

Guia prático de como sobreviver ao inverno português

Neste post não haverá saudação fofinha e alegre. Começarei escrevendo porque é um assunto muito sério e que remete lembranças de um passado sofrido.
...


HAHAHA piadinhas a parte, preparei um pequeno guia para você, amigo querido, que pretende na sua cabecinha vir à Europa no inverno. Como eu sei o que você deve imaginar sobre o inverno daqui, resolvi escrever um post desiludindo você.
Ficou curioso? Então vem cá ver.



Ironicamente, este casaco foi comprado no Brasil

1. Esqueça a ideia de que as roupas do inverno brasileiro te aquecem.

Aqui, meu amigo, a história é outra. Roupas para o inverno brasileiro não te aquecem aqui, acredite em mim. Roupas do inverno daí são ideais para a primavera aqui. 
Se você pretende vir para cá, então te aconselho que traga segunda pele e roupa de lã bem grossa. Mas traga poucas, pois é bem mais barato comprar as roupas apropriadas aqui. E caso venha a Coimbra no inverno, aí vai uma dica: Compre roupa térmica nas lojas dos chineses (blusa e calça polar), e casacos nas lojas que preferir.


2. Não, você não consegue tomar banho com água fria no tempo frio.

Você se ilude ao pensar que consegue. E isso é culpa do nosso maravilhoso clima tropical. Aqui em Portugal as casas não possuem aquecimento central, então você sempre está com frio, e a hora do banho é a hora abençoada do dia: Com água quente, você se aquece!
Ah, e claro, a temperatura ideal para o banho aqui é a mesma que é usada para depenar galinhas.


foto: deliciadeamendoa.blogs.sapo.pt


3. Não passe o dia na cama. Independente do frio que esteja fazendo.

Não passe o dia na cama. A cama cria uma falsa ilusão de que você está aquecido, mas a verdade é que está muito frio em casa, e sair dela ajuda muito. Por isso, ao acordar, procure sair para passear e conhecer a cidade, pois andar aquece e você já sente a diferença.


4. Acostume-se com poucos banhos.

Pare com essa mania brasileira de falar mal dos franceses! É muito idiota da nossa parte falar que os franceses tem perfumes fortes para esconder o mau cheiro. Eu pensava assim. Vivi pensava assim.
Não pensamos mais. E olha, não é nojento porque dá para você tomar pelo menos um banho por dia. Aqui é bem comum fazermos isso no inverno, até porque o frio é tanto que você não fica suado.


foto: beleza.culturamix.com


5. Mantenha-se hidratado sempre!

Com o frio nós muitas vezes não lembramos de algo importante: beber água. Então, para ninguém virar um camelinho, lembre-se sempre de beber água, e hidratar-se. A pele também fica ressecada, então é importante passar hidratantes nela e nos lábios. Para isso, sempre carrego comigo um lip balm na bolsa.




6. Pensamento positivo

Nada de reclamar (isso vale pra Vivi). Não há o que você possa fazer para o clima mudar, então tente se adaptar e pensamento positivo. Saia sempre de casa, compre as roupas adequadas, beba sempre café, e tenha bons pensamentos.
Assim que cheguei e tive o choque ao ver o inverno europeu, minha tia me mandou uma frase que até hoje repito para mim mesma (beijo tia!): "Você é o seu próprio sol."
Ou seja, eu produzo meu próprio calor, eu tenho o meu sol dentro de mim. Eu me aqueço.
Lembre-se disso, é um conselho precioso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário