quarta-feira, 18 de março de 2015

10 Coisas que mais sinto falta de casa

Oioi gentiiiiiiiii

Vou começar a semana (apesar de ser, teoricamente, a metade dela) meio nostálgica  aqui no blog, e vou falar neste rápido post as coisas que mais sinto falta. Isso faz parte do intercâmbio, lógico; estou em um país diferente, longe de casa e de tudo que sou habituada, então sinto falta de muitas coisas. Vem ver algumas delas aqui embaixo!


1. Privacidade
Vou começar com a coisa que mais sinto falta de TODAAAAAS no intercâmbio: Privacidade.
Aí vem você e pergunta: Mas você tá longe de casa, então teoricamente você está afastada e com privacidade. Aí que você se engana! Nunca me senti com menos privacidade do que agora, a começar pelo fato de eu dividir o mesmo quarto -e a mesma cama- com Vivi. Sinto falta de ter os meus próprios momentos, de ter lugares para estar sozinha apenas eu e eu mesma, de me trancar no meu quarto e ficar perdida no meu próprio mundinho, de ter meus momentos pra fazer minhas coisas tranquila, de estar na minha casa e fazer o que eu quiser.

Também sinto falta da praia!!!


2. Clima agradável
Ô como eu sinto falta de uns 30º... Como sinto falta de andar de short e camiseta em casa... Andar descalça? Nem lembro mais o que é isso. Pra falar a verdade, fico tão preocupada em me livrar do frio e de vestir milhões de camadas de roupas que quase me esqueci como são meus braços e pernas.
Não tenho usado sandálias, nem sapatilhas, nem shorts, nem saias e isso é horrível!

3. Tempo
Você não leu errado, eu escrevi tempo sim. Digo isso porque parece que o tempo voa aqui em Portugal. Acordo, vou pra aula, almoço, lavo os pratos e parece que o dia já acabou. A verdade é que eu nunca tenho tempo pra nada por aqui.
Sinto falta de ter tempo, pois no Brasil eu conseguia fazer muuuuitas coisas em um dia. Ao que parece, isso não acontece aqui.




4. O jeito do brasileiro
NUN-CA pensei que diria isso, mas sinto falta do jeito dos brasileiros, sobretudo dos nordestinos, em específico dos baianos. Daquela mania de conhecer a pessoa hoje e já adicionar no face e incluir na lista de amigos; daquela mania de sorrir pras pessoas que mal conhece; de abraçar o outro; daquela mania de querer carregar as pessoas e levar ela pela mão até os lugares quando ela te pede informação de onde fica algum lugar.
Sinto falta dessa coisa do brasileiro precisar tocar o outro e conversar com um desconhecido como se fosse amigo de anos.

5. Ler
Não trouxe livros pro intercâmbio pois me disseram que aqui era barato. Não é!!!!!!!
Sinto falta de ler, de ter livros sempre para ler, e contar aos meus amigos sobre o que estou lendo. Detesto ler arquivos em PDF, então aqui nem rola. Se eu soubesse que sentiria falta disso...

6. Ir ao cinema
Fui só uma vez aqui e achei caro. Sinto falta de ir aos finais de semana ao cinema com meus pais, comer pipoca e ser feliz vendo filminhos. Ê coisa boa!!!

7. Sucos
Frutas aqui são caras, então não vale a pena comprar para sucos, e na casa que moro não tem liquidificador, então não daria certo da mesma forma. Nos restaurantes os sucos são estranhos, e nos mercados os sucos são horríveis.
Se você está no Brasil, comemore esta abundância de sucos que tem aí!




8. Minhas primas e suas loucuras
Que saudade "arretada" de ficar resenhando nos fins de semana com minhas primas! Eu diria que sinto falta da família como um todo, mas as minhas primas são as principais pois temos uma forte amizade que me enche de saudade.




9. Dançar
Como pode uma bailarina fazer intercâmbio e não fazer aulas de dança? No Brasil eu achava que chegaria aqui e seria uma profusão cultural, e que eu estaria dançando feliz aqui em Portugal. Me enganei!
Aqui é segundo semestre, e as escolas que achei estão se preparando para as apresentações de "fim de ano". É estranho porque o fim de ano é, na verdade, no meio do ano. Além disso, muitas são longe ou fora das minhas condiçõe$.

10. Minhas coisas
Coisas para chamar de minha, na verdade. Minha casa, minha universidade, minha família, minha turma... Aqui tenho a impressão de que tudo é emprestado, tudo é temporário e que em breve, eu terei de devolver.
Assim são as coisas por aqui, mas acho que isso é mal de intercambista, então relevem minhas bobagens e escutem essa belíssima música que escuto quando bate a saudade:


2 comentários:

  1. Ei, já experimentou os sucos da Compal? Pra mim eram os melhores, apesar de caros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie!
      Já experimentei sim, mas não gostei tanto... ô saudade do nosso Del Valle!!!

      Excluir